Quanto custa a sua fé?

Há tempos a tal teologia da prosperidade me consome interiormente, por muitas vezes me tirando do sério, sinceramente falando, porém, até o dia de hoje, havia externado minhas opiniões a respeito deste tópico apenas com meus irmãos na Fé e principalmente nos meus íntimos momentos de proveitosas e edificantes conversas com o Senhor. Agora decidi compartilhar este assunto com todos vocês e espero que este post receba manifestações e opiniões de vocês que lêem este artigo.

Há algum tempo atrás eu estava “zapeando” por alguns canais de televisão (e olha que é algo difícil eu sentar para assistir tv, quase não faço isso) e me deparei com um programa de cunho evangélico, destes que passam nas madrugadas, quando notei a presença do norte americano e “macaco velho no segmento gospel” Morris Cerullo, proferindo algumas palavras com tradução simultânea.

Para quem não conhece o Dr.Morris Cerullo, eis uma breve apresentação.

Nascido no ano de 1931, Cerullo afirmar ter tido seu primeiro encontro com Deus na tenra idade, aos 8 anos precisamente falando, ao tentar dar fim a sua vida. Aos 14 anos de idade relata que foi retirado de um orfanato judeu por dois seres angelicais, que o levaram para um refúgio especialmente preparado para ele. Cerca de menos de um ano depois, o então jovem Morris foi transportado ao céu, onde teve um encontro face a face com Deus. Em “The Miracle Book”, escrito pelo próprio, ele descreve Deus como tendo cerca de 1,83 m de altura e o dobro da largura de um corpo humano. Desde então, o evangelista vem rodando o mundo, difundindo a teologia da prosperidade.

Analisando o relato de Cerullo, no qual ele afirma ter visto a Deus face a face, o mesmo é confrontado com a própria palavra de Deus, descrita no evangelho de João, capítulo primeiro, versículo 18, que descreve o seguinte:

“Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou.”

Há outra passagem bíblica que conflita esta mesma afirmação. A primeira carta que Paulo escreveu a Timóteo, no capítulo 6, versículo 16 diz o seguinte:

“Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém.”

Não é no mínimo intrigante confrontar estas passagens bíblicas com os relatos do Sr.Cerullo???

Entre crer na palavra de Deus e na palavra deste evangelista norte americano, não tenham dúvidas de que fico com a palavra do Senhor, que aliás, é por ela que guio o meu viver.

A teologia da prosperidade, conhecida também como confissão de fé, palavra de fé e movimento da fé foi criada nas primeiras décadas do século XX nos Estados Unidos. Esta doutrina afirma, a partir da interpretação de textos como Gênesis 17: 7 (E estabelecerei a minha aliança entre mim e ti e a tua descendência depois de ti em suas gerações, por aliança perpétua, para te ser a ti por Deus, e à tua descendência depois de ti.), Marcos 11: 23-24 (Porque em verdade vos digo que qualquer que disser a este monte: Ergue-te e lança-te no mar, e não duvidar em seu coração, mas crer que se fará aquilo que diz, tudo o que disser lhe será feito. Por isso vos digo que todas as coisas que pedirdes, orando, crede receber, e tê-las-eis.) e Lucas 11: 9-10 (E eu vos digo a vós: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á; Porque qualquer que pede recebe; e quem busca acha; e a quem bate abrir-se-lhe-á.) que aos que são verdadeiramente fiéis a Deus devem desfrutar de excelente situação nas áreas da saúde e principalmente da finança.

O pioneiro deste movimento foi o também norte americano Essek M.Kenyon, tendo como seu maior divulgador Kenneth Hagin, que influenciou a muitos pregadores nos EUA, inclusive o Sr.Cerullo, além de evangelistas renomados como Benny Hinn e o coreano David Paul Yonggi Cho.

Voltemos ao programa de televisão, feitas as breves apresentações sobre o Dr.Morris, bem como no que se baseia a teologia da prosperidade.

Decidi assistir aquele programa (este vídeo está disponível no youtube), pois já conhecia este senhor como sendo um veemente defensor da teologia da prosperidade e fiquei intrigado em saber qual o motivo de sua presença no programa do Pr.Silas.

Percebi que estava sendo lançada a Bíblia de batalha espiritual e vitória financeira de autoria de Cerullo, mas não foi isso que me trouxe algum incômodo e sim o apelo deste “profeta”, no qual ele relata que Deus lhe disse que estava “derramando uma unção financeira nestes últimos dias, como Ele nunca havia feito antes”. Para que tal unção recaísse sobre o povo de Deus, bastava que as pessoas que assistiam ao programa em questão, ofertassem voluntariamente a quantia de R$ 900,00 para que Deus liberasse a “unção financeira dos últimos dias” (??!!!???!!!), para que recebessem da parte do Senhor algo que nunca fora recebido antes.

Logo após ele explica o porquê do número 9. Ele faz menção ao ano de 2009 e por isso do pedido do valor de R$ 900,00. Agora que estamos em 2010, seguindo a linha de raciocínio dele, prepare-se para sacar dez notinhas de cem reais de seu bolso, ok?

Agora eu lhes pergunto, isso não se assemelha a numerologia, considerada por nós cristãos uma prática mística??? É impressionante como muitas igrejas têm permitido a incorporação de absurdos como este.

A cerca de semanas atrás parei novamente em frente da tv para assistir algo que me chamou a atenção, desta vez o programa era apresentado pelo Ap. Valdemiro, convocando 150 mil pessoas a ofertar R$ 153,00, que representavam os 153 grandes peixes, relatados no evangelho de João, capítulo 21, versículo 11, na terceira vez em que Jesus se manifestava aos seus discípulos após a ressurreição. Ao doar o valor acima descrito, o ofertante ganhava uma pequena rede. Em outras ocasiões ele pediu aos fiéis de sua igreja um dízimo de 20%, o que já achei um absurdo. Como se não bastasse, no mês de dezembro passado ele convocou sua igreja a entregar o “dízimo” de 30%, representando a santíssima trindade (o Pai = 10%, o Filho = 10% e o Espírito Santo = 10%, totalizando os 30%). Agora lhes pergunto, dízimo não significa a décima parte??? Isso em meu entendimento é coisa de um néscio, de uma pessoa inepta. Estes vídeos também estão disponíveis no youtube, caso você queira assistí-los.

Entendamos que não falo a cerca de dízimo (sou dizimista em minha igreja e faço-o com muita satisfação e alegria), mas sim, falo de homens e mulheres que pregam um evangelho barato, que barganham com Deus, fazendo do ato de cruz de Jesus Cristo algo tolo e sem valor.

Jesus não veio a nós e se permitiu ser humilhado e morto em uma cruz para que tivéssemos fortunas e conforto e sim para nos provar o seu Amor (com “A” maiúsculo), livrando-nos do pecado e nos reconciliando com Deus.

Assim diz o evangelho de Mateus, capítulo 8, versículo 20:

“E disse Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça.”

Ainda em Mateus no capítulo 10, versículo 24, vemos o seguinte:

“Não é o discípulo mais do que o mestre, nem o servo mais do que o seu senhor.”

Vamos aos fatos. Se o filho unigênito de Deus não tinha nem se quer onde recostar sua cabeça para descansar e se o servo não é maior do que o seu Senhor, por qual motivo deveríamos pensar que Deus tem como plano maior em nossas vidas a prosperidade?

Não creio que Deus, como sendo um Pai amoroso e zeloso queira que seus filhos vivam em miséria, mas também creio que sua preocupação principal conosco é que nos arrependamos diariamente de forma verdadeira, para que tenhamos relacionamento com Ele e conseqüentemente assegurarmos nossa salvação (Não sou daqueles que carrega consigo a filosofia de que “uma vez salvo, salvo para sempre”), afinal, ela é conquistada dia após dia.

Os textos bíblicos pregados por estes homens para defender a doutrina da prosperidade são distorcidos, corrompidos, a fim de que seus discursos tenham alguma valia.

Vejamos o exemplo inspirador do apóstolo Paulo, em 2ª Coríntios no capítulo 4, que não falsificava a palavra de Deus, mesmo atribulado não se angustiava, mesmo perplexo não se desanimava, era perseguido, mas não desamparado e por fim, abatido, mas não destruído. Paulo ao contrário de pedir bênçãos para si, desejar ser próspero, era entregue a morte todos os dias por amor a Jesus Cristo, trazendo em seu próprio corpo a vida de Jesus.

E se ao invés de pedirmos a Deus por vitórias nas finanças, barganhando com Ele com nossas ofertas para que tenhamos benefícios próprios, decidamos ofertar para que pessoas famintas tenham o que comer? Por que ao contrário de desejarmos o bem estar pessoal não desejamos que nossas ofertas sirvam para que as boas novas do evangelho de Jesus Cristo alcancem aqueles que ainda não as conhecem? E abrir mão do sonho do carro importado zero quilômetro, da casa na praia com piscina ou mesmo daquela viagem de compras a Paris por alguém que você nem mesmo conhece?

É difícil, não é mesmo? Doar-se pelos que realmente necessitam é bastante  confrontador, abrir mão de sua vida para que outros tenham Vida não algo tão simples assim, não é?

“Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á. Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma? Porque o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras.” Mateus 16:24-27

“ E chamando a si a multidão, com os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me. Porque qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas, qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, esse a salvará. Pois, que aproveitaria ao homem ganhar todo o mundo e perder a sua alma? Ou, que daria o homem pelo resgate da sua alma? Porquanto, qualquer que, entre esta geração adúltera e pecadora, se envergonhar de mim e das minhas palavras, também o Filho do homem se envergonhará dele, quando vier na glória de seu Pai, com os santos anjos.” Marcos 8: 34-38

Confio minha Fé nestes textos acima descritos. Infelizmente existem muitas (mas muitas mesmo) pessoas que têm vendido sua fé mediante a aceitarem viver um evangelho barato, desejando para si os tesouros deste mundo.

E você, como tem procedido? Seu coração está nas riquezas e prazeres deste mundo ou seu coração encontra prazer em servir ao Senhor, pregando as boas novas aos aflitos e necessitados e fazendo boas obras?

De que adianta você ser dono de posses, de seu celeiro estar cheio até a capacidade máxima enquanto muitos morrem a míngua e sem conhecerem a palavra de Deus?

Se a teologia da prosperidade fosse válida, não haveriam tantos irmãos em Cristo em situação de miséria neste país e em outras partes do mundo. Creio que para estes, Deus tem guardado o melhor. Lembra-se da parábola do Rico e Lázaro? Não? Então leia em Lucas, capítulo 16, do versículo 19 ao 31 e verás que o que escrevi acima possui coerência.

Para terminar, quero deixar-lhes uma mensagem.

Não seja você mais um a ser ludibriado por falsos profetas ou gananciosos de plantão, a fim de que não caias em engano, não permitindo que doutrinas perniciosas comprometam o seu bom relacionamento para com Deus.

Desejo que você prefira carregar sua cruz a desejar os tesouros e prazeres momentâneos e fúteis deste mundo, para a honra e glória dEle!

Obrigado por ler mais este desabafo.

Um grande abraço e que Deus te abençoe.

No amor de Cristo Jesus, sempre!

Chris Kato

Anúncios

15 Respostas to “Quanto custa a sua fé?”

  1. Concordo. Infelizmente existem cristãos que acham que sairam do cativeiro, mas permanecem nele ( a diferença é que agora dentro das igrejas) vivem pelo velho testamento e ignoram o que significa a vinda de Cristo, e isso em todos os sentidos.

    Fique na paz!

    • Marcela, só existe uma verdade libertadora e incontestável… A Palavra de Deus! Aqueles que nela se baseiam, a temem e a amam, estes não entram em engano. Obrigado pelo comentário e que Deus te abençoe.

  2. EU CONCORDO

  3. Chris, parabéns pelo blog! 900,00 é o fim da picada, quanto mais o cidadão tem, mais quer, quanto cinismo, e quanto desespero da parte de quem topa uma coisa dessas.

  4. N preciso q alguem pastor me estipule um valor pra ofertar.

    O dizimo eu separo pq n eh meu, eh do SENHOR, e oferta vem do meu coração, a quantia n importa e sim o qto nosso coração esta NELE.

    Muito bacana o post Chris, DEUS abençoe! (Y)

  5. A Paz do Senhor…
    Respondendo à pergunta do titulo do texto: Para muitos essa “fé” (isso mesmo, entre aspas) deve de ter custado os tais R$ 900,00 e esse ano de 2010 custará R$1.000…
    Mas nossa fé nao tem preço que a pague… Ela deve se basear em nosso amor, temor, adoração e acima de tudo, santidade ao Senhor Deus e nosso Senhor Jesus Cristo…
    Em relação ao texto, cito de exemplo a passagem que cita o caso da mulher pobre que deu TUDO o que tinha pois esta sim tinha fé em Jesus Cristo, que por Sua vez, conhece profundamente nossos corações, nossas necessidades e as dificuldades (inclusive a no setor financeiro)…

    Deus conhece nossos corações e é NELE em quem devemos confiar, em quem devemos buscar crescimento espiritual, crescimento na graça e no conhecimento…

    Um forte abraço e fiquem todos com Deus

  6. É Chris… Eu vi esse programa do Pr. Silas… Eu sei que o Senhor prospera os seus filhos sim… Mas creio ainda na Palavra do Senhor…. do que na palavra do cidadão citado…
    Isso é mais uma vez os sinais de que o Senhor JESUS está voltando… entre outras profecias que estão se cumprindo…
    DEUS nos livre e guarde de todo mal…
    E estamos vigiando e orando… e pedindo total discernimento para o Senhor… das obras das trevas…
    Porque o ladrão vem para matar, rouba e destruir…
    DEUS te abençoe irmão… Em nome do Senhor JESUS!!!

    • Marcelo e Karin, a paz de Cristo Jesus.
      Antes de mais nada é preciso fazer algumas considerações.
      Não escrevi este post depreciando o trabalho do Pr.Silas, pois, gosto de muitas de suas pregações e ele tem feito o seu trabalho de levar a palavra de Deus onde ainda ela possivelmente possa não ter chegado, mas creio que ele se equivocou (assim como eu me equivoco, vocês também…) ao introduzir este velho senhor norte americano em sua programação, bem como comercializar tal bíblia em tais condições.
      Não tenho nada contra Silas e nem contra o Cerullo pessoalmente falando, só creio que essa conversa de teologia da prosperidade tira o cristão de seu foco principal (ter o caráter de Jesus para alcançar a Jesus) e que ao mesmo tempo que Deus não nos quer ver em miséria, penso que Ele não tem como preocupação maior nos enriquecer, e sim nos levar ao arrependimento, que consequentemente nos leva a salvação e a salvação nos devolve o íntimo relacionamento com o Pai, o qual perdemos mediante o pecado, mas como diz a palavra em Romanos 5:12-21; por um homem (Adão) vieram o pecado e a morte e também por um homem (homem, porém de natureza divina chamado Jesus) veio a nós a graça. É disto que se trata e não de riquezas passageiras.
      Que vocês permaneçam sempre no amor de Cristo e no centro da vontade de Deus para suas vidas.
      Um grande abraço.

      • Paz do Senhor JESUS… Irmão Chris…
        eu também não estou aqui para difamar o trabalho do Pr. Silas… de forma alguma… porque nós também somos muito abençoados com as pregaçoes dele… de forma alguma…
        Eu entendi que o foco foi sobre a Teologia da Prosperidade…
        Mas eu fico muito triste em ver que muitos que se dizem servos de DEUS… independente se é reconhecido pela mídia ou não… desviar o foco de nosso alvo para fins materiais somente…
        Esquecendo se que a Salvação está no Senhor JESUS…
        Claro que não podemos negar que tudo precisamos de dinheiro… porque vivemos num mundo assim… mas não confundamos as coisas que são espirituais… com ganhos materiais… “Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6 : 33)
        Bom… Cada um pode dar o infoque que quiser sobre o Evangelho… todos tem liberdade para isso…
        Mas o que muitas vezes deixa de ser pregado é o arrependimento dos pecados… Para que o Senhor JESUS possa operar em vidas… Isso tem muito a ver com o que João Batista pregava…
        Não podemos ser hipócritas… e ver o quanto o mundanismo entra nas igrejas… as pessoas vivem sem novidade de vida… porque muitas vezes é ensinado que somente aceitar a JESUS e fazer uma oração confessando seus pecados é suficiente… Não… falta instruir verdadeiramente o povo de DEUS… Exortar com amor e autoridade…
        Mas daí já estou entrando em outro assunto… que diretamente não tem muito a ver com o seu tema…
        Mas indiretamente diz muito a respeito disso…
        Porque a Palavra de DEUS é completa… e tudo se completa nela…
        DEUS os abençoem em nome do SEnhor JESUS…
        Que a paz de JESUS reine em suas vidas…
        Até uma próxima oportunidade ou até ao encontro com o nosso Pai…

  7. Graça e paz meu velho amigo e irmã de fé. Eu que era um grande apreciador das obras/livros do Pr. Silas Malafaia estou MUIIIITO decepcionado com o que vem acontecendo atualmente e tenho me afastado de todas estas pessoas, igrejas e movimentos.Temos que nos focar mais em DEUS,JESUS e suas palavras, na BÍBLIA .A chamada teologia da prosperidade(sim com letras minúsculas)tem iludido tantos irmãos, tantas pessoas.Eu sou apenas um novo na fé, não sou pastor, não tenho o conhecimento e estudo que o irmão,mas estou tentando fazer a minha parte.Como bem sabe voce, sempre tive um senso critico pois trabalho na área de critica musical há bastante tempo e independente de fé, sempre procurei analisar e ter meu ponto de vista à respeito destes mercadores da fé,vários deles que já caíram e alguns mais que ainda deverão cair.Desde que me converti em 2005 procurei sempre me manter atento a estas coisas mas manter-me quieto,mas assim como o irmão que tem este blog que é de extrema utilidade,estou criando um canal no youtube que futuramente procurará alertar as pessoas e aos irmãos…Obrigado e DEUS ABENÇOE Á TODOS

    • Graça e Paz, amado amigo e irmão Eduardo de Souza Bonadia!!!
      É com muita alegria que hoje compartilho contigo algo muito mais precioso do que a música, pois o nosso elo de ligação já não é mais a música e sim a Fé que buscamos viver diariamente, o seguir os passos do Senhor Jesus Cristo, nosso redentor.
      Fico contente que você tenha se identificado com o que tenho postado neste blog, que não tem como propriedade causar polêmicas, discussões vãs e tolas e muito menos auto-promoção.
      Este blog foi criado apenas para que eu pudesse externar meus pensamentos e o que tenho visto e vivido no caminhar com Jesus Cristo, para receber opiniões sobre os assuntos postados, sejam eles elogiosos ou críticos, não importa.
      Com humildade, verificando o que há de bom nas críticas e elogios, retendo o que é bom (como nos ensinou o apóstolo Paulo) e lançando fora o que não edifica (o mesmo serve para as pessoas que frequentam este blog, que elas tenham sabedoria para trazer para si o que há de bom e saudável que é publicado e que não não couber, que lancem fora!!!), vou adquirindo crescimento e isso é muito bom!!!
      Admiro muito o Pr.Silas Malafaia e recinheço que ele muito tem feito para que o evangelho seja disceminado nesta nação e em outras partes do mundo e isto é louvável.
      De forma alguma elaborei este post com a finalidade de criticar seu trabalho (com toda a certeza, faço muito menos que ele em prol do Reino de Deus), mas mesmo gostando de sua pessoa, posso não aprovar algumas de suas ações, assim como pessoas me amam e não me aprovam 100% em meus pensamentos, crença, atitudes.
      O que temos que entender é o seguinte, em se tratando de Fé, de caminhada cristã, posso não concordar com o que algumas pessoas dizem, pensam ou fazem, mas nada me impede de caminhar com elas.
      Que não aprovo a teologia da prosperidade, isso para minha pessoa é um fato, mas por mais que um homem de Deus defenda isso, sua crença em determinada causa não deve diminuir o amor e reconhecimento sobre as outras coisas que considero louváveis que estão no caráter da pessoa em questão.
      A própria palavra de Deus nos diz o seguinte no evangelho de Lucas, capítulo 9, versos 49 e 50, quando a apóstolo João relata a Jesus que viu um homem que expulsava demônios em nome do Senhor e que eles haviam proibido o tal homem de fazê-lo, pois ele não seguia a Jesus como os apóstolos o seguiam e Jesus respondeu: ” NÃO O PROIBAIS, PORQUE QUEM NÃO É CONTRA NÓS É POR NÓS.”
      Sei que o Silas é por nós e amo sua vida, sinceramente. Já fui e ainda sou muitíssimo edificado na fé com suas pregações, muitas outras sou incendiado com sua veemência ao falar do evangelho e não é algo tão pequeno assim que me fará tê-lo como alguém que não tem valor. Vejo muito disso nas igrejas por onde tenho ido, que o não concordar com um ponto de vista, uma opinião, aqueles que se dizem “cristãos” tem acatado a política de segregação para si, criando divisão no corpo de Cristo (leia-se a congregação, a igreja quanto edificação) e isso é um veneno.
      Eu apenas quis atentar neste post para onde muitas vezes levamos o evangelho, e sim, alertando contra charlatões que mercantilizam o nome do Senhor.
      O engraçado é que as pessoas querem isso de Deus, de Jesus, o poder, a abastança, a prosperidade, mas nos esquecemos que o “Poder de Jesus” e em meu entedimento, sua excelência era ter o poder de perdoar a quem lhe queria mal, lhe agredia na carne, lhe zombavam, que Ele tinha e tem o poder de ser humilde mesmo sendo Rei de todo o universo, ninguém que ter o “Poder do Senhor Jesus” para ter a nobreza de dar sua própria vida em favor daqueles que não possuem muitas vezes caráter e dignidade, esse “Poder de Jesus” quase ninguém quer, infelizmente.
      Mas te digo irmão, continue buscando crescimento e entendimento, peça sabedoria ao Pai, não se baseie no escrevo, são apenas coisas que brotam do meu interior, muitas vezes podem não condizer com a verdade absoluta da bíblia, peço mais, corrija-me quando notar que escrevi algo sem contexto.
      Que Deus abençõe a ti e sua esposa, dando-lhes direcionamento e discernimento. Ele tem uma obra na vida de vocês, tomem posse disso!!!!
      Um grande abraço e fiquem com a paz de Cristo Jesus!!!

  8. Muito bom o post, o convido à visitar meu fotolog e deixar seu comentário.

    Sou católico, e independente de diferença de religião a questão citada é da fuga do que o Senhor nos pede, não temos o direito de vender Deus, e isso é algo muito triste que vem ocorrendo. Mas a igreja é formada por homens, e estes são falhos, precisamos manter nossa fé inabalável e o principal: MANTER OS OLHOS FIXOS EM JESUS CRISTO!
    Belo blog…
    Que Deus abençoe
    Fique na Paz de Cristo!

    • Graça e Paz, Bruno!
      Muito bom tê-lo em meu blog, mesmo porque, não temos um credo diferente, cremos pela fé que Jesus é nosso salvador e Senhor e isso basta.
      O preconceito religioso é algo que não nutro em mim, somo um n’Ele!
      Agradeço seu comentário e sinta-se a vontade para enviar suas opiniões e percepções sobre a fé cristã sempre que desejar.
      Tenho muitos bons amigos cristãos, dos quais alguns são católicos e glorifico a Deus por todos eles. Aliás, minha mãe é católica, adepta do movimento carismático e é uma bênção, como acredito que você também seja.
      Vamos derrubar os muros que os fariseus construiram a fim de nos segregar, afinal, em Cristo somos um e somos livres, tudo pela Graça conquistada na cruz do Calvário.
      Um grande abraço e Deus te abençoe! Paz seja contigo!

  9. Dyemann napyer Says:

    no minimo esse cara e doido de onde ele tiroun isso quem ele pensa que é para ter o previlegio de ver deus face a face
    sem falar que ate o momento segundo a propria palavra de Deus em João cap 3 ver 13 diz e é bem claro Ora NInguém Subio Ao Ceú ,Senao Aquele Que de La Desceu,a Saber, Filho Do Homen Que Esta No Ceu

    Entao dentre Tantos Apostolos E sua Propria Mãe Maria Segundo A propira Palavra Nen eles Estao No céu Quem Dira esse Falso Profeta,
    SEgundo A palavra So que teve o Dom de ir e vim do ceu fou o filho do homen ou seja JESUS e que se comparar au proprio DEUS QUE fiasco

    Apocalipse 2-2 Conheço as tuas obras, Tanto o teu Labor Como A tua Perserverança, e que nao podes suporta Homens Maus, e que pusestes a prova os que a si mesmo se declarao apostolos e nao sai e os achastes mentirosos.
    pois é muito serao os falsos profetas afim de aganor o povo de Deus mas os dois caminhos nos e mostrado cabe a nos decidir por que percorrer

  10. Dyemann napyer Says:

    no minimo esse cara e doido de onde ele tiroun isso quem ele pensa que é para ter o previlegio de ver deus face a face
    sem falar que ate o momento segundo a propria palavra de Deus em João cap 3 ver 13 diz e é bem claro Ora NInguém Subio Ao Ceú ,Senao Aquele Que de La Desceu,a Saber, Filho Do Homen Que Esta No Ceu

    Entao dentre Tantos Apostolos E sua Propria Mãe Maria Segundo A propira Palavra Nem eles Estao No céu Quem Dira esse Falso Profeta,
    Segundo A palavra So quem teve o Dom de ir e vim do ceu foi o filho do homen ou seja JESUS, ele que se comparar au proprio DEUS QUE fiasco

    Apocalipse 2-2 Conheço as tuas obras, Tanto o teu Labor Como A tua Perserverança, e que nao podes suporta Homens Maus, e que pusestes a prova os que a si mesmo se declarao apostolos e nao sai e os achastes mentirosos.
    pois é muito serao os falsos profetas afim de enganar o povo de Deus mas os dois caminhos nos e mostrado cabe a nos decidir por que percorrer

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: